lai

Secretarias e Órgãos

Telefones úteis

Redes Sociais

Página Inicial Rim-Art
voltar imprimir
Aumentar texto Diminuir texto
Rim-Art: o desafio de resgatar a auto-estima de pacientes renais crônicos




O avanço tecnológico nas terapias não pode prescindir da relação médico-paciente. Sendo a terapia renal substitutiva( hemodiálise e transplante renal) exemplos desse avanço tecnológico, o Projeto Rim-Art surgiu para intensificar este relacionamento humanizado da instituição e do profissional de saúde com o paciente. Baseado em estudos de Psiconefrologia realizados em Nova Iorque, Tóquio e Quebec, que mostraram a importância da reintegração do paciente renal em seu meio social, o projeto surgiu no Hospital Geral de Fortaleza através do Serviço de Nefrologia em março de 2001, antecedendo os projetos de humanização em saúde, criados pelo Governo Federal posteriormente.


Composto de uma equipe multidisciplinar( médico, enfermeira, terapeuta ocupacional, psicólogo, assistente social), e com encontros três vezes por semana, em espaço definido pela direção do hospital, este projeto funciona continuamente participando de atividades externas, extra-hospitalar, como feiras de artesanato, congressos médicos, palestras... A marginalidade gerada pelo estado físico do paciente é corrigida através
das atividades de humanização desenvolvidas por este projeto. Recentemente,um dos pacientes escreveu um artigo para o jornal interno do HGF. Outro, lançou CD durante as festividades dos 20 anos do SUS. Exemplos de talentos que foram revelados dentro do projeto.


Nesses momentos festivos, o Projeto se mostra sempre atuante, chegando inclusive como protagonista dos eventos. No Carnaval do HGF, foram os integrantes do Rim-Art que confeccionaram máscaras e um estandarte para o desfile que animou o setor de pediatria do hospital. A alegria dos foliões só comprova os resultados do projeto.


Quando o paciente sente-se participante, ele começa a manifestar os seus desejos e também as suas satisfações. Ele passa a exigir seus direitos como paciente dentro de uma instituição pública. Tudo isso vem como conseqüência de um aumento da sua auto-estima. Ele esquece que é um paciente e se integra
como um cidadão, participando dos desafios de sua terapia.


Ao iniciar sua terapia como paciente em hemodiálise, o paciente busca logo se preparar para o transplante que vai significar uma mudança de vida com sua reintegração social.



PROJETO RIM ART - HISTÓRICO


Como tudo começou...

O Projeto Rim-Art teve início em março de 2001 com a finalidade de promover a melhoria da qualidade de vida do paciente renal que depende da máquina de hemodiálise e do paciente transplantado renal. O caminho escolhido para alcançar esse objetivo foi a ARTE. A iniciativa nasceu da observação de alguns profissionais da nefrologia, os quais constataram nesses pacientes uma apatia, desestímulo e um desencanto em relação à vida e ao tratamento. Convém mencionar que esses pacientes sofreram uma ruptura no seu cotidiano ao iniciarem o tratamento dialítico, tanto no que se refere à sua capacidade laborativa, como nas suas relações familiares, sociais e de lazer. E, dentro desse enfoque foi levado em consideração não apenas a patologia, mas a relação entre esses vários fatores. A doença crônica é sempre um desafio que obriga o paciente a mudar de hábitos e incorporar novas rotinas no seu dia a dia.
Por esse motivo, a equipe da nefrologia optou em desenvolver um trabalho humanizado através da arte, onde esses pacientes pudessem encontrar um espaço para o enfrentamento de sua problemática.



Auto-estima com Arte: idéia 100% aprovada


A proposta era mostrar que, apesar das limitações impostas pela doença/tratamento, podemos fazer algo para que os pacientes portadores de Insuficiência Renal (IR) sintam-se  mais felizes e melhorem sua auto-estima, através da confecção de peças artesanais.
A idéia foi levada ao coordenador da Nefrologia, Antônio Augusto  Guimarães, que logo abraçou a causa. O primeiro passo foi a elaboração de um projeto, feito pela Assistente Social Ana Maria Filizola,  aprovado pela equipe inicial, composta pelo médico nefrologista Antônio Augusto Guimarães, a enfermeira Suely Freitas e a Assistente Social Ana Maria Filizola. Em seguida, o projeto foi levado à apreciação do diretor Geral do HGF, Silvio Furtado, que, já nesse momento, levava o nome de Projeto Rim Art, por sugestão da assistente social. Após aprovação do diretor, a equipe foi ampliada. Foi convidada a psicóloga Jane Eyre Rodrigues Azevedo e a terapeuta Liduína Rocha, as quais aceitaram.
O Projeto funcionou em vários locais do HGF, devido às reformas, porém hoje, tem o seu próprio espaço.
Equipe Multidisciplinar


A equipe do Projeto Rim Art é assim constituída:
Assistente Social –Ana Maria Filizola Araújo Sousa
Enfermeira-artesã – Suely Freitas Oliveira
Médico Nefrologista – Antônio Augusto Carvalho Guimarães
Psicóloga – Jane Eyre Rodrigues Azevedo
Terapeuta Ocupacional – Liduína Damasceno Rocha
Em 2008, a Fonoaudióloga Eda Queiroga veio integrar a equipe interdisciplinar do projeto.
Contamos também com a parceria de Eliane Studart Guimarães que colabora na organização dos eventos e das exposições em Feiras e Bazares.

 

dsc03937

 Ana Filizola, representando o Rim-Art durante 2º Seminário Nacional de Humanização, em 2009

 

Agenda Rim-Art

Além do artesanato, a equipe do Projeto Rim Art desenvolve às terças-feiras atividades em grupo, tais como:
- Vivências corporais, psicossociais e fonoaudiológicas
- Atividades lúdicas e cognitivas
- Rodas de Conversa com assuntos de interesse dos pacientes
- Às quintas-feiras são dedicadas às oficinas de artesanato.
As atividades do projeto estão também voltadas para o aspecto social e cultural, os quais são realizados através de passeios guiados a reservas ambientais, parques e visitas culturais a museus, teatros e logradouros históricos de Fortaleza.
Procurando desenvolver a integração, a solidariedade e a comunicação, os pacientes do RIM ART realizam oficinas de artesanato em diversas instituições. A proposta é mostrar que através da participação e do compartilhar saberes é possível ao paciente renal superar ou atenuar a situação de stress a que é submetido...

Anualmente, são realizados dois eventos: nas Festas Juninas comemoramos os aniversariantes do 1º Semestre e na Confraternização Natalina comemoramos os aniversariantes do 2º Semestre.



Como o Rim-Art se mantém


O projeto mantém-se com doações de material e a venda de peças artesanais comercializadas em feiras, bazares e no próprio HGF. Das vendas, 50% são destinados à manutenção do projeto e os outros 50% são rateados entre os participantes.

O Projeto Rim Art é uma atividade pioneira no Ceará, em sua modalidade e tem se evidenciado um visível crescimento. Isso se deve à participação ativa dos  integrantes.

Clique aqui e saiba como foi a animada festa de São João do Rim-Art em junho de 2010


Projeto Rim-ART – HGF – 3101-3295
Antônio Augusto Carvalho Guimarães
Coordenador do Serviço de Nefrologia do HGF

 

Calendário

Junho 2022
D 2a 3a 4a 5a 6a S
29 30 31 1 2 3 4
5 6 7 8 9 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25
26 27 28 29 30 1 2